Conecte-se

Poder

#INTERNACIONAL

Daniel Alves volta a tribunal com pedido de liberdade | Javier Milei completa 100 dias de governo na Argentina | Biden chama delegação de Israel para evitar ataque em Rafah

Daniel Alves foi condenado a quatro anos e meio de prisão mais cinco de liberdade vigiada. Milei vê suas reformas liberais travadas no Congresso, por falta de apoio de grupos políticos. Biden também vai pedir um cessar-fogo de várias semanas

Danilo Rocha Lima e Diogo Oliveira, do Volta ao Mundo em 180"
#INTERNACIONAL19 de mar. de 245 min de leitura
Danilo Rocha Lima e Diogo Oliveira, do Volta ao Mundo em 180"19 de mar. de 245 min de leitura

Começamos com notícias do jogador de futebol brasileiro Daniel Alves. Ele deve comparecer hoje ao Tribunal de Justiça de Barcelona em uma audiência para discutir um novo pedido de liberdade, feito pelos seus advogados. Daniel Alves continua preso há mais de um ano e foi condenado no mês passado a quatro anos e meio de prisão mais cinco de liberdade vigiada por agressão sexual contra uma mulher numa boate de Barcelona.

Daniel Alves pede para aguardar fora da prisão a decisão de todos os recursos do seu processo. Foto: Alberto Estevez / Reuters / Agência Brasil
Daniel Alves pede para aguardar fora da prisão a decisão de todos os recursos do seu processo. Foto: Alberto Estevez / Reuters / Agência Brasil

No pedido de liberdade, Daniel Alves pede para aguardar fora da prisão a decisão de todos os recursos do seu processo. Lembrando que a defesa de Daniel Alves entrou com um recurso pedindo absolvição e o Ministério Público demandou pena máxima, de 12 anos. Antes do julgamento do mês passado, Daniel Alves pagou uma indenização de 800 mil reais, que serviu para reduzir a sua pena. O dinheiro foi doado pela família do jogador Neymar. O resultado do pedido de liberdade de Daniel Alves deve ser divulgado nos próximos dias. Os advogados dele acreditam que podem obter a liberdade do jogador antes que se esgotem todos os recursos.

Javier Milei completa 100 dias de governo. Foto: Agustin Marcarian / Reuters / Agência Brasil
Javier Milei completa 100 dias de governo. Foto: Agustin Marcarian / Reuters / Agência Bras

Notícias da América Latina. O governo do presidente da Argentina Javier Milei completa 100 dias. O ultradireitista que foi eleito em dezembro do ano passado conseguiu equilibrar as contas públicas, mas os pobres estão pagando o preço, com o aumento da pobreza que chegou ao maior patamar em 20 anos. Os preços de serviços e produtos continuam altos e, apesar de recuar em fevereiro, a Argentina tem a maior inflação do planeta. Na política, Javier Milei vê suas reformas liberais travadas no Congresso, por falta de apoio de grupos políticos. E a reforma trabalhista, prometida para dinamizar a economia, foi suspensa pela Justiça.  

Petro suspende a partir de amanhã o cessar-fogo com o Estado-Maior Central, o EMC. Foto: Governo da Colômbia
Petro suspende a partir de amanhã o cessar-fogo com o Estado-Maior Central, o EMC. Foto: Governo da Colômbia

Na Colômbia, o governo do presidente Gustavo Petro vai suspender a partir de amanhã o cessar-fogo com o Estado-Maior Central, o EMC, grupo guerrilheiro dissidente das Farc. O fim do cessar-fogo foi causado por episódios de violência contra indígenas no último fim de semana. Um menor foi raptado e uma mulher morta a tiros em comunidades indígenas. Os ataques ferem justamente o pacto de evitar atos de violência contra civis, autoridades locais e forças de segurança. O cessar-fogo entre o governo Petro e o EMC entrou em vigor em outubro do ano passado e vai até julho deste ano.

Blinken, diz que 100% da população da Faixa de Gaza sofre uma insegurança alimentar grave. Foto: Departamento de Estado dos EUA
Blinken (direita) diz que 100% da população da Faixa de Gaza sofre uma insegurança alimentar grave. Foto: Departamento de Estado dos EUA

O secretário de Estado dos Estados Unidos, Antony Blinken, diz que 100% da população da Faixa de Gaza sofre uma insegurança alimentar grave. Essa é a primeira vez que uma população inteira, ou seja, 2 milhões de pessoas sofrem com fome, por causa de um conflito. Israel continua bloqueando a entrada de ajuda humanitária na Faixa de Gaza.

Biden vai pedir um cessar-fogo de várias semanas, para possibilitar a libertação de reféns que ainda estão sob o poder do Hamas. Foto: Gabinete do Presidente dos EUA
Biden vai pedir um cessar-fogo de várias semanas, para possibilitar a libertação de reféns que ainda estão sob o poder do Hamas. Foto: Gabinete do Presidente dos EUA

Enquanto isso, uma delegação de Israel será enviada a Washington, a pedidos do presidente dos Estados Unidos, Joe Biden. Ele tenta evitar que Israel realize uma operação militar na cidade de Rafah, que fica no sul da Faixa de Gaza e onde se espremem mais de um milhão de palestinos refugiados.

Biden também vai pedir um cessar-fogo de várias semanas, para possibilitar a libertação de reféns que ainda estão sob o poder do Hamas. Já Israel continua a bombardear a Faixa de Gaza e diz que um dos líderes do Hamas, Marwan Issa, foi morto em um ataque no início do mês. Issa é um dos responsáveis diretos do ataque do Hamas contra Israel no 7 de outubro do ano passado.

Japanexperterna
Japão eleva sua taxa de juros para 0,1%. Foto: Japanexperterna

E pela primeira vez em 17 anos, o Japão aumentou sua taxa de juros. A taxa passa de -0,1% para 0,1%. O país vive uma recessão e a medida visa impulsionar a economia do país.

Estamos no seu tocador de podcast favorito e também na Tropical Sat de Juazeiro, na Bahia. Imagem: Headline
Estamos no seu tocador de podcast favorito e também na Tropical Sat de Juazeiro, na Bahia. Imagem: Headline

Acompanhe a gente todo dia, procure pelo Volta ao Mundo em 180 Segundos no seu tocador de podcasts preferido e na playlist “Caminho Diário”, do Spotify.

Ouça também:

#INTERNACIONAL
DANIEL ALVES
ARGENTINA
COLÔMBIA
ISRAEL